1 evento ao vivo

Oscar 2017: 60% dos norte-americanos não conseguem citar uma produção indicada a melhor filme

Nem La La Land.

22 fev 2017
17h18
atualizado às 17h24
  • separator
  • 0
  • comentários

Ao analisar o ranking com os dez filmes de maior bilheteria nos Estados Unidos em 2016, é possível encontrar blockbusters como Procurando Dory (1º lugar), Rogue One - Uma História Star Wars (2º lugar) e Capitão América: Guerra Civil (3º lugar). Entretanto, lá não estão nenhum dos nove indicados ao Oscar de melhor filme neste ano.

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

Essa discrepância entre o que os estadunidenses gostaram de assistir nos cinemas e o que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas considera digno de receber o maior prêmio da sétima arte se reflete nas ruas dos EUA.

Uma pesquisa encomendada pelo site The Hollywood Reporter mostrou que 60% dos americanos não sabem dizer o nome de um filme sequer dentre os nove indicados ao Oscar de melhor filme neste ano. Isso significa que seis em cada dez pessoas não lembraram nem de La La Land - Cantando Estações, favorito ao prêmio principal na cerimônia que será realizada no próximo domingo. Entretanto, apesar do desconhecimento geral em relação aos longas que são os destaques da festa, 70% dos entrevistados afirmaram que pretendem assistir a transmissão da cerimônia.


Ryan Gosling e Emma Stone, estrelas de La La Land - Cantando Estações, exibem os prêmios que conquistaram no Globo de Ouro.

Entre os indicados ao Oscar de melhor filme, o mais mencionado foi La La Land (lembrado por 32% dos entrevistados), seguido por Um Limite Entre Nós (19%), Estrelas Além do Tempo (17%), Manchester à Beira-mar (13%), Moonlight - Sob a Luz do Luar (11%), Até o Último Homem (10%), A Chegada (9%), Lion - Uma Jornada para Casa (9%) e A Qualquer Custo (5%).

A pesquisa, realizada pelo National Research Group, também mapeou as respostas dos participantes com base no candidato em quem eles votaram nas eleições presidenciais de 2016. A conclusão principal foi que "eleitores de Hillary Clinton se sairam significantemente melhor do que os eleitores de Donald Trump ao identificar os indicados ao Oscar de melhor filme".

No geral, 48% dos eleitores de Hillary conseguiram responder o nome de um ou mais indicados ao Oscar de melhor filme, enquanto entre os eleitores de Trump, atual presidente dos Estados Unidos, esse índice cai para 33%.


Andrew Garfield, estrela de Até o Último Homem, e Mel Gibson, diretor do filme.

Entre os nove filmes indicados, oito foram mais assistidos por eleitores de Clinton do que por eleitores de Trump, com a exceção do filme de guerra Até o Último Homem, dirigido por Mel Gibson. A trama adapta para os cinemas a história real de um médico cristão pacifista que serviu no exército dos EUA durante a Segunda Guerra Mundial. Quando perguntados qual filme deveria vencer o Oscar, a maior parte (27%) dos eleitores de Hillary decidiram por Estrelas Além do Tempo, enquanto a maior parte dos eleitores de Trump (26%) escolheram La La Land.

A pesquisa também perguntou a todos os entrevistados o que mais os atraía na transmissão da cerimônia. O resultado dos prêmios (saber quem venceu) foi o aspecto favorito dos espectadores, seguido pelas performances musicais e pelo apresentador da cerimônia. O que menos interessa o público, de acordo com a pesquisa, são os discursos dos vencedores e as entrevistas e comentários dos jornalistas no tapete vermelho.

O cerimônia de entrega de prêmios do Oscar 2017 será realizada na noite do dia 26 de fevereiro, domingo. O apresentador será o comediante Jimmy Kimmel.

AdoroCinema
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade